Imprensa

Primeiro-Ministro diz que o Plano de Reconstrução de Cabo Delgado põe fim a dispersão de acções

07/10/2021 08:44
Primeiro-Ministro diz que o Plano de Reconstrução de Cabo Delgado põe fim a dispersão de acções

O Primeiro-ministro afirmou, esta quarta-feira, na cidade de Pemba, em Cabo delgado, que o Plano de Reconstrução daquela província, ora aprovado pelo Conselho de Ministros, tem em vista pôr fim a dispersão de acções.

Segundo Carlos Agostinho do Rosário o plano, avaliado em cerca de 19 mil milhões de meticais, é destinado a reposição de infra-estruturas sociais básicas.

“A ADIN também está a fazer o seu trabalho, os nossos parceiros também mas verificamos que estávamos com muita dispersão de documentos e de acções. Neste momento já não existe documento da ADIN, dos parceiros, da equipa multidisciplinar que mandamos para cá; existe um só documento que reflecte toda esta aglutinação do que deve ser feito para a reconstrução e que chamamos Plano de reconstrução de Cabo Delgado”, afirmou.

Carlos Agostinho do Rosário disse igualmente que o plano visa responder às necessidades da população que tende voltar as zonas de origem, como resultado das acções da força conjunta de defesa e segurança de Moçambique, Ruanda e SADC. (RM)