Imprensa

Olam oferece 100 bolsas de estudo a crianças desfavorecidas

Olam oferece 100 bolsas de estudo a crianças desfavorecidas

Cerca de 100 crianças em idade escolar vão beneficiar de bolsas de estudo a partir deste ano, no âmbito de um programa de assistência social da companhia “Olam”.

O anúncio foi feito, na segunda-feira, durante visita de dezenas de menores à refinaria de óleo alimentar e produção de sabão da Fasorel na Matola.

As bolsas em causa que serão distribuídas pela “Olam” são destinadas sobretudo aos filhos dos funcionários da instituição, bem como outras crianças desfavorecidas que enfrentam dificuldades de estudar por diversas razões. Parte das bolsas inclui os estudos primários até a formação técnico profissional de alguns alunos contemplados.

O objectivo é preparar as crianças para saberem corresponder aos desafios do mercado de emprego e é nesse contexto que as crianças foram acompanhar o processo de produção de óleo e sabão na Fasorel.

Por sua vez os alunos provenientes de diversas escolas primárias da província de Maputo destacaram importância de saberem como determinadas empresas funcionam.

Estas visitas aos centros de produção da companhia “Olam” estão acontecer em outras províncias do país e enquadra-se no âmbito da celebração da quinzena da criança.