Imprensa

Gabinete do Provedor da Justiça recebeu mais de 500 petições, queixas e reclamações

O gabinete do Provedor da Justiça recebeu mais de quinhentas petições, queixas e reclamações, de Abril do ano passado a Março deste ano.

Trata-se de petições, queixas e reclamações relacionadas com a demora na fixação e pagamento de pensões, lentidão na resolução de casos em tribunal e instituições públicas.

Os dados foram divulgados ontem, em Lichinga, pelo Provedor de Justiça, Isac Chande, à saída de uma audiência concedida pela governadora do Niassa, Francisca Tomás.

Isac Chande disse que o aumento das petições, queixas e reclamações resulta do reforço das acções de sensibilização dos cidadãos sobre o papel daquela instituição no país. ( RM)